Mais um trabalhador em educação é assassinado no Pará

   


Edvan AlvesA direção estadual do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Pará lamenta a morte trágica no dia (26/03) do professor Edvan Alves Pereira, assassinado em Marabá. O educador era coordenador do polo da Universidade Aberta do Brasil (UAB) e servidor da Secretaria Municipal de Marabá, vitimado pela crescente onde de violência que assola nosso Estado. O docente também fazia parte da categoria assistida pelo Sintepp.

Exigimos que o Estado garanta o direito ao trabalho com segurança para os trabalhadores possam continuar a exercer a docência sem que para isto tenha que abandonar carga horária para que tenha tranquilidade ao lecionar.  A polícia tem a obrigação de não deixar mais um crime impune neste em nosso Estado. Aos amigos e familiares nossos sinceros sentimentos de solidariedade e apreço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>